22 de nov de 2013

Loucura

Tem horas que ela tem vontade de gritar, berrar assustadoramente a plenos pulmões toda a angústia que a sufoca.
Mas aí percebe que não há voz ou amplificador suficiente pra fazer com que escutem, entendam toda a complexidade do que tem a dizer.
Não adianta
Não entendem, não entenderão, não querem entender, nem prestam atenção...
Está só
Mesmo sabendo que existem outros por aí que compartilham suas ideias, se reconhece em muitos pensamentos lidos e compartilhados, o mundo está pequeno e é facil ver gente parecida espalhada na rede.
Mas isso não adianta, não são proximos, conforta um pouco, mas o que realmente interessa são os que estão a sua volta, os que escolhera para si, os queridos. Esses não a vêem, não entendem, e se entendem não se expressam, não reagem, não se abalam...
Está cansada
Fraca
É facil apreciar a loucura nesse momento, a loucura é o cansaço, a falta de ânimo pra se manter dentro de um padrão que não respeita, não quer.
Então se entrega à falta de compromisso
FODAM-SE AS REGRAS
Esculhambem-se todos nessa sociedade imunda que só respeita quem se enquadra, quem se veste com a mascara bonitinha.
Rasga essa máscara.
Faz picadinho dela
Se recolhe e chora.
Chora um choro profundo.
Lágrimas pesadas, cheias de rancor, ranso amargo que trava a garganta.
Tá tudo errado...
Tá tudo errado?
São todos loucos? Ela é a louca?
Enternam-se todos ou ela é a unica a ter que se afastar?
Aproveita então os momentos de embriaguez, o conforto da falta de responsabilidade trazida pelo líquido entorpecente, ali não será julgada, está bêbada e bêbados são desculpados, não têm razão.
E pra quê serve a razão?
Esse freio que segura as vontades naturais de falar, sentir, viver...
Porquê a vida tem que ter freio?
Pra quê pensar e agir moderadamente quando tudo o que ela quer é sair louca e desenfreada rindo, cantando e dançando?
NÃO
NÃO PODE
Alegria incomoda.
O mundo está se resumindo num amargor triste.
A tristeza sufoca, mata.
Está cansada
Sufocada
Morrendo

2 comentários:

  1. E como sempre um ótimo texto entregando o grito mais interno de nós! ainda bem q somos essa montanha russa!

    ResponderExcluir
  2. Feliz ano novo, amore! Que 2014 seja recheado de gostosuras <3

    Beijos!

    ResponderExcluir

Palpitem, critiquem, julguem!