21 de jul de 2010

Viver é Bom Demais!

Sabe aqueles dias em que você acorda bem? Abre a janela e se depara com um céu azul intenso e um sol, depois de uma semana seguida de frio e chuva?

Esses dias acordei assim, até cantei no banho! E olha que minhas manhãs são na maioria mal humoradas, ainda bem que só encontro pessoas depois que tomo meu café!

Saí pra trabalhar e, sei que é impressão minha ou talvez por conta do vento mas o ar tava até bom de respirar! E olha que to falando do centro de manhã!

Só depois que cheguei no cliente a ficha caiu e a frase do título veio na minha cabeça, quem também me segue no twitter ou no facebook vai se lembrar do dia, postei na hora.

E fiquei pensando nisso desde então...

E é mesmo! Mas é incrível como a gente se sabota, varias vezes já me peguei assim, inventando minhocas na cabeça e vevenciando situações imaginárias, procurando respostas para perguntas inexistentes.

Minha grande amiga, mais parte da minha vida que muita gente da família, John, me abriu os olhos e eu abri a cabeça!

Não dá pra deixar de viver, curtir as coisas do jeito que elas são e ser feliz! 

A felicidade não tem definição, é um sentmento próprio que cada um sente de um jeito, e pra mim é como uma brisa leve que bate no rosto e faz a gente ter vontade de voar, é uma sensação de libertade de vontade de respirar até encher o pulmão e soltar bem devagarinho, fechar o olho e sentir, aproveitar cada gosto, cheiro, sabor, emoção, rir...

Tinha esquecido de como é o céu à noite, também esse inverno chuvoso deste jeito e morando em São Paulo não ajudam muito, mas esses dias tava caminhando à noite e reparei que tinha estrela no céu!

Acho que a vida na metropole faz a gente ficar um pouco cego mesmo, a final de contas é tanta correria, pressa, horário, se não tomamos cuidado estamos olhando na agenda pra marcar hora pra se divertir! O importante é perceber no meio disso tudo que não é preciso marcar hora pra curtir a vida é só curtir.

Sem compromisso, desencanadamente sorvendo tudo que ela coloca na sua frente, de um bate papo ao telefone, uma cervejinha sem pretensão de nada, a visita surpresa de um amigo, uma comidinha feita rapidinho com poucos ingredientes que fica uma delícia!

2 comentários:

  1. Ai ai ai.

    Pena que esse lugar é público, senão eu diria de onde vem tanta felicidade!

    Beijo

    ResponderExcluir

Palpitem, critiquem, julguem!